Stand up paddleboarding: o que precisa para começar

Por Jenny Kalmbach
Ao longo dos anos, ensinei centenas de pessoas a praticar stand up paddleboarding, desde crianças de 3 anos a avós de 80 anos, celebridades, atletas e, uma vez, até mesmo uma pessoa que não sabia nadar (não se preocupe, levava um colete salva-vidas vestido).

E todas essas pessoas conseguiram aprender.

Creio que uma das razões pelas quais o stand up paddle boarding se tornou tão popular é o facto de se tratar de um desporto para todos — não precisa de ter experiência em atletismo; só necessita de uma prancha, de um remo, de uma massa de água e de alguma determinação. Se ainda não experimentou este desporto, recomendo vivamente que o faça. Quem sabe, pode mudar a sua vida. Eu sei que a minha mudou!

Eis o que precisa para começar:

Uma aula
Se não tem experiência na prática de stand up paddleboarding, sugiro que vá a uma aula. Como em qualquer atividade nova, ajuda ter alguém a dar-lhe dicas pessoalmente sobre onde estar na prancha, como a transportar para dentro e fora da água, como se levantar, etc. Se vive perto de um sítio que aluga pranchas, talvez lá tenham alguém que possa ajudar.

Prancha
Se for um iniciante, aposte em grande. Geralmente, quanto mais comprida e larga for a prancha, mais estável será. À medida que vai evoluindo, poderá ser útil começar a olhar para pranchas concebidas especificamente para diferentes finalidades, incluindo surf, competição e ioga.

Remo
Ter um remo com o comprimento certo faz toda a diferença. Um remo demasiado curto obriga a inclinar-se demasiado e a curvar as costas e um remo demasiado comprido fá-lo colocar muita pressão nas articulações dos ombros. Segure o remo com a pá a tocar no solo, levante o braço totalmente para cima, a pega do remo deve estar ao nível do pulso. Alguns remos são ajustáveis, por isso não é uma má ideia começar com um desses remos para perceber qual é o comprimento mais adequado para si.

Massa de água
As condições atmosféricas também podem fazer toda a diferença. Se estiver a começar, vá para a água apenas quando estiver calma, com vento fraco e poucas ondas ou rebentação. Quanto menos ondulação houver, mais fácil será manter o equilíbrio na prancha.

Protetor solar
Proteja-se do sol! Use protetor solar amigo dos recifes para manter a sua pele protegida e a água livre de produtos químicos tóxicos.

À medida que vai progredindo, provavelmente vai adquirindo mais equipamento — relógios para medir a distância e a velocidade, mochilas de hidratação para se manter hidratado, câmaras, dispositivos de comunicação por satélite para viagens de longa distância, como o Garmin inReach® , etc. No entanto, independentemente do que precisar, há uma coisa que é mais importante do que essas todas juntas: divertir-se!

Fonte: https://www.garmin.com/pt-PT/blog/stand-up-paddleboarding-o-que-precisa-para-comecar/

Como interpretar cartas náuticas
Lowrance® revela novo aplicativo complementar com navegação aprimorada e com conectividade ao dispositivo

Deixe uma resposta

Navigation
Close

Carrinho

Obrigado por estar aqui!

Será enviada uma password para o seu endereço de email.

Os seus dados pessoais serão utilizados apenas para dar suporte à sua experiência no nosso site, para gerir o acesso à sua conta e para outros fins descritos na nossa política de privacidade.

Já tem uma conta?

Categorias

Abrir Chat